quinta-feira, 21 de junho de 2007

Acampamento 02

1º dia:

Decidimos acampar nesse frio, no frio! Todos falaram que éramos malucos, que íamos congelar, mas estávamos realmente dispostos a enfrentar essa aventura congelante em Teresópolis - RJ. Porém, nesse final de semana (16 e 17 de junho) estava sol fazia tempo, então não estaria tão frio... Escolhemos o camping Quinta da Barra, porque Atrapalhada tem uma única exigência: água quente no banheiro.
Depois de tudo pronto e coisas no carro, o primeiro acontecimento: Atrapalhado esquece a calça. Pra um lugar supostamente frio, calça realmente faria falta... voltamos.
Chegando em Terê, fomos direto ver onde era o tal acampamento... pouco depois do centro da cidade, num lugar onde só tem casarões, lá estava o bendito. O serviço de lá é por pernoite, ou seja, pode chegar a qualquer hora e só paga se for dormir lá, então fomos logo montando nossa barraca. Segue abaixo o passo-a-passo do processo :)

Depois de montar a barraca, encher o colchão e deixar nosso cantinho o mais aconchegante possível com 2 edredons e tudo, fomos almoçar no camping mesmo... 10 reais a refeição deliciosa que dá muito bem para duas pessoas trogloditas como nós.
De repente, tudo muda. O Sol desaparece, começa a ventar e aparecer milhões de nuvens... será que o frio está por vir?? Será que o Clima Tempo errou ao falar que estaria sol no final de semana inteiro?? Será?? Será??
SIM!!!! 1 hora depois das fotos anteriores, olhem só como nós ficamos ao tirar a foto oficial do Acampamento número 2:
Felizes da vida, finalmente sentiríamos o frio que queríamos sem querer. São Pedro nos ajudou!!
Fomos então conhecer a cidade... mas com chuva não podíamos fazer muita coisa, então fomos na tão famosa Feirinha de Teresópolis. Só que antes disso, ficamos procurando a chave do carro que Atrapalhado mais um vez esqueceu onde colocara. Após muito tempo de busca e cada vez mais frio, pois ventava muito, ele achou dentro do bolso do casaco, dentro da mochila! Um longo caminho que percorreu...
Na feirinha... é realmente barata, se comparado com os preços daqui do Rio de Janeiro. Depois das compras, fomos no mirante ver o Dedo de Deus... ele não estava lá. Estava muito frio, resolveu sair. Frio demais, neblina de mais! Simplesmente PERFEITO!!
Fomos então para o camping e lá éramos os únicos campistas, os outros eram de traillers.. como somos bastante serelepes e comunicativos, o pessoal do camping se afeiçoou com a gente e nos ofereceram até um trailler para passarmos a noite! Um trailler todo fofo, com cama de casal, banheiro, fogão, pia, etc... Realmente ficamos sem-graça em recusar, mas... como faríamos com o teste do frio e chuva em nossa barraca querida?!
Após a sauna jogando purrinha com o pessoal do trailler, fomos pra um rodízio de fondue. Na volta não resistimos ao nosso cantinho aconchegante e fomos realmente dormir na barraca sozinhos, isolados no mundo.

3 comentários:

Alexandre disse...

Ah não! Se depois de toda a odisséia e a espera pelo tão sonhado friozito no acampamento vocês fossem passar a noite no trailler, eu e a Anali definitivamente ficaríamos decepcionados!
hehehehehehe!

Grande Abraço!

Marina disse...

ah que delícia esse blog!!! Eu acampava muito qdo era criança e parei... estou morrendo de vontade de voltar! Provavelmente minha reestreia será no feriado de sete de setembro! Estou a procura de uma boa barraca... Qual a que vcs usam??? Até a próxima!

www.onlyideas.zip.net

Lauro disse...

Deve ser muito bom esse camping de Terê, tô doido pra cnhecer, deve ser uma das minhas próximas aventuras campistas... Vocês que gostamd e frio, tô partindo semana que vem pra um camping em Tiradentes MG. Irei saber todos os detalhes e postar no blog, obviamente! hehehe Depois passo maiores informações, tendo em vista que soube que vale a pena conhecer! Abraço a vocês!